Ticker

6/recent/ticker-posts

Mãe passa mal ao saber que filha faleceu afogada; imagem mostra últimos momentos da menina



A mãe de uma menina de 14 anos que perdeu a vida afogada ao entrar no mar no Guarujá, contou em uma entrevista que o corpo da filha já estava em estado de composição quando foi encontrada. A adolescente estava na Praia do Perequê na companhia do namorado.

Izonaide Maria da Silva, de 38 anos, disse nesta quarta-feira (9) que não teve coragem de ver o corpo da filha, que precisou ser reconhecido a partir das roupas dela, do cabelo e do aparelho que ela usava nos dentes.

Ao saber que Vitória Silva tinha desaparecido no mar, Izonaide falou que teve um desespero total, achou que tudo fosse alguma brincadeira, mas que depois ficou sem reação e em choque. “Foi um desespero muito grande, uma dor que eu não quero sentir nunca mais na minha vida. Eu tenho problema de pressão, passei mal“, disse.

A mãe falou que depois de ser medicada ela foi em direção ao local do acidente. Ela disse que a filha foi a pessoa que mais a amou na vida e é a filha mais carinhosa que uma mãe poderia ter. Disse que todos os dias Vitória ia em seu quarto para saber se estava lá e que vai ser muito difícil a vida dela agora.

Izonaide e o esposo saíram da capital, São Paulo, onde moram, tão logo foram acionados pela família do namorado da menina. Vitória entrou no mar no domingo (6), quando foi arrastada por uma correnteza de retorno, o rapaz conseguiu ser resgatado pelo pais, porém, a adolescente afundou.

O homem concedeu uma entrevista ao portal de notícias do G1 e disse que considerava Vitória como uma filha e que fez o possível para tentar salvá-la.

Postar um comentário

0 Comentários